Histerectomia Total Laparoscópica- HTL

Oposta a Histerectomia Supracervical Laparoscópica, a Histerectomia Total Laparoscópica(HTL) envolve a remoção do útero e também do colo do útero*.  É, portanto, a escolha de preservar ou retirar o colo do útero que diferencia o HTL do HSL.

O procedimento HTL começa pela exposição do útero e seguido pela dissecção dos ligamentos e transecção do fornecimento de sangue. A seguir uma colpotomia é realizada para separar o colo da parede vaginal. O fórceps LiNA PowerBlade pode ser usado para  ambas dissecção e colpotomia.

A seguir, o útero precisa ser retraído. Isso pode ser feito tanto pela vagina ou pelo uso de um morcelador. O morcelador é usado para extrair o útero para fora da cavidade abdominal. O morcelador é muito utilizado em casos de útero aumentado. Nesses casos, o Morcelador LiNA Xcise é altamente indicado. Finalmente, a cúpula vaginal é suturada por laparoscopia e a Histerectomia Total Laracoscópica esta assim completa.

Para a  Histerectomia Total Laracoscópica  também é uma opção o uso de LiNA McCartney Tube para dissecção e remoção do útero.

*O procedimento pode também incluir uma Salpingo-ooforectomia (unilateral/bilateral) assim adicionalmente a remoção do (s) ovário (s) e a(s) trompa(s) de falópio. Quando realizada uma histerectomia radical, parte do paramétrio é removido, bem como em procedimentos envolvendo câncer também pode haver necessidade de remoção dos linfonodos.